..

"A alma que não se abate, que recebe indiferentemente tanto a tristeza como a alegria, vive na vida imortal."Fonte - Bhagavad-Gita

sábado, 18 de agosto de 2012

RELATÓRIO DA ENERGIA PARA AGOSTO DE 2012.







Uma mensagem de Kate Spreckley

14 de Agosto de 2012.

Estamos certamente vivendo momentos muito voláteis! O impacto das mudanças planetárias, das fases da lua, das explosões solares e mais, está sendo sentido em uma base aparentemente diária. E com estes impactos, estamos sendo continuamente confrontados com inúmeras oportunidades de cura e de despertar, o que está criando para muitos, um tempo de grande conflito interior e caos. Ondas de poderosa energia cósmica estão fluindo constantemente em nosso planeta e colidindo com os nossos campos energéticos, aumentando dramaticamente a taxa da nossa frequência de luz e, portanto, os nossos processos de transformação e de despertar. Níveis mais profundos de ilusões e limitações através dos quais vivemos, estão rapidamente se dissolvendo e aquilo que estiver precisando de cura, está sendo trazido à tona de nossa consciência e da experiência humana.

Muitas das Almas atualmente encarnadas na Terra escolheram vir e curar os padrões e ciclos Kármicos que foram criados e mantidos pelas suas diferentes famílias, culturas e sociedades humanas. Dentro destes padrões e ciclos, grande importância foi colocada sobre o que se tem, o que se faz e o que se pensa dos outros, o que, para muitos resultou na ocultação do eu autêntico e verdadeiro e no desenvolvimento de um falso eu. Tem sido este falso eu que permitiu que muitas pessoas sensíveis, sobrevivessem na realidade da terceira dimensão. Muitas destas Almas se sentiram oprimidas, rejeitadas e inadequadas durante a sua infância, e assim uma falsa versão do eu foi criada, o que foi visto como melhor, mais forte e mais capaz de lidar. Este falso eu era um mecanismo de defesa inconsciente, que era menos facilmente ferido, e, portanto, servia para proteger o eu verdadeiro e autêntico. Como um programa inconsciente, o falso eu operava para sufocar e abafar o verdadeiro eu. Ele foi tão bem construído e aceito, que foi confundido com o verdadeiro eu. O crescimento e o desenvolvimento do eu consciente, autêntico, foram abrandados e abafados, mas com estes tempos de despertar acelerado, a fachada do falso eu não mais pode ser mantida. A consciência humana está se expandindo rapidamente na dissolução do falso eu e no surgimento do eu verdadeiro e autêntico.

As mudanças e transformações que estamos experienciando em 2012 estão operando para expandir a consciência humana, e assim dissolver e desintegrar as ilusões em que temos vivido por séculos. Enquanto este processo continua a se revelar, vocês podem estar experienciando dores, enxaquecas, tristeza e um profundo desapontamento por tudo o que ocorreu para chegarem a este ponto que está sendo revelado. Vocês estão sendo confrontados com tudo o que tinham que se tornar e tudo o que tiveram que fazer, a fim de sobreviverem. Isto pode estar inflamando uma profunda ira e medo, enquanto começam a sentir como se o seu espaço dentro de sua família, cultura, sociedade e mundo, estivesse sendo ameaçado por estas verdades. Mas ao permitirem que este processo se revele naturalmente, uma grande sensação de liberdade e de alegria pode ser experimentada, pois as cadeias do medo e da raiva são liberadas. Vocês verão o seu verdadeiro e autêntico eu emergir, para assumir o seu legítimo lugar como seu guia e mestre.

Seu verdadeiro eu tem trabalhado incansavelmente para se revelar a vocês neste momento. Ele tem feito tudo o que pode para ajudá-los a despertar e a se curar, e agora com a energia de Agosto que os está apoiando, é o momento de vocês reivindicarem e reintegrarem o seu eu inato e autêntico. Ao buscarem conscientemente descobrir o seu verdadeiro eu, perceberão que ele não tem vínculos com as imagens, idéias e pensamentos que vocês mantêm em sua mente. Ele existe como um ser eterno e é parte de um todo vasto e interligado. Ele é a sua essência interior e encontra a derradeira satisfação ao se entregar ao Criador Divino. Seu eu verdadeiro busca somente encontrar o santuário e o significado no amor do Criador Divino e uma vez que vocês tenham atingido a comunhão interior com o seu eu verdadeiro, a paz e a sincronicidade se tornarão um modo natural de vida. Vocês irão realizar a liberdade e o poder de irradiar o amor infinito e viverem em unidade com a criatividade, alegria, verdade, clareza e equilíbrio ilimitados.

Com a integração e a reivindicação do seu eu verdadeiro, a frequência de sua luz irá aumentar rapidamente, permitindo-lhes alinhar com a nova matriz energética da vida. A nova matriz energética da vida é muito diferente ao que estiveram acostumados no passado. É uma matriz de energia de luz que nos facilitará a experimentar conscientemente a unidade, enquanto na forma humana. Quanto mais se lembrarem do seu eu verdadeiro, mais serão capazes de experienciar as energias da nova matriz da vida. À medida que os padrões e ciclos do passado são liberados, vocês começarão a experienciar plenamente a paz e a serenidade de seu eu essencial e autêntico. Vocês descobrirão um novo modo de vida na Terra, aquele que inclui uma perspectiva multidimensional que se origina de uma consciência unida ao perdão, compaixão e amor.

Agosto começa e termina com duas Luas Cheias. É raro experienciarmos duas Luas Cheias em um mês e como tal, a segunda Lua Cheia é chamada de “Lua Azul”. A primeira das Luas Cheias ocorre em 1º e 2 de Agosto, no signo astrológico de Aquário, com o Sol em Leão. Estes dois signos juntos sempre sinalizam um momento de grande transformação, e durante esta Lua Cheia, estamos sendo chamados a desprendermos o passado e aceitarmos o nosso verdadeiro e autêntico eu. Com a abertura deste mês na Lua Cheia, podemos ter a garantia de uma forte onda de energias criativas e emocionais e a força de confiarmos mais em nossa intuição e no apoio Espiritual.

A Lua Nova em Agosto ocorrerá nos dias 17 e 18, tanto com o Sol, quanto a Lua, no signo astrológico de Leão. Com este aspecto, podemos ter a garantia de um duplo golpe de energia centrada no coração e um foco em nossa criatividade. Com o despertar e o aparecimento de nosso eu autêntico, vocês serão desafiados durante esta Lua Nova a usar a sua intuição para descobrir que mudanças criativas vocês estão sendo solicitados a fazer. A energia desta fase da lua promete grandes recompensas e paciência quando encontrarem os desafios e obstáculos com coragem e determinação.

A segunda Lua Cheia em Agosto ocorrerá nos dias 30 e 31. Esta rara Lua Azul terá lugar no signo astrológico de Peixes, com o Sol em Virgem. Inspiração, compaixão e sensibilidade são necessárias, pois a liberação das velhas feridas trará a necessidade do perdão. Lembrem-se de permanecerem abertos ao melhor e mais elevado curso de ação nos próximos meses, pois vocês serão desafiados a liberar e a abandonar o eu falso e aceitarem plenamente o seu eu verdadeiro e autêntico.

Nos próximos anos, cada um de nós irá experienciar uma profunda transformação. Ficar parado não mais é uma opção. É o momento de liberarmos totalmente o passado e usarmos a intensidade deste momento para trazermos mais luz e amor a nós mesmos e a este mundo. Como vocês lidam com isto de uma forma que acolha mudanças positivas, irá estimular a sua criatividade e abrir a sua consciência ao seu eu autêntico. Todos estão sendo afetados por um despertar interior. Dediquem tempo e energia a abrir os portais para a sua alma. Permitam que o seu coração dirija os seus talentos, dons, paixões, luz e amor. Somente quando estamos dispostos e somos capazes de sermos autenticamente nós mesmos, podemos conhecer e expressar plenamente os nossos dons... a plenitude de nossos dons e vê-los como contribuições ao coletivo.

Abaixo está a Declaração dos Anciãos Hopi que me lembro de ter lido há muitos anos. Ela teve um profundo efeito em mim e permaneceu comigo enquanto passava pela minha própria cura e pela crise do despertar e me deu grande força, e algumas vezes, a coragem que eu precisava para continuar.

DECLARAÇÃO DOS ANCIÃOS HOPI

“Você esteve dizendo às pessoas que esta é a décima primeira hora.
Agora você deve retornar e dizer às pessoas que esta é a hora!
E há coisas a serem consideradas?
Onde você está vivendo?
O que você está fazendo?
Quais são os seus relacionamentos?
Está na relação certa?
Onde está a sua água?
Conheça o seu Jardim.

É o momento de expressar a sua verdade.
Crie a sua comunidade.
Seja bom para si mesmo.
E não olhe para fora de si mesmo à procura de um líder.
Este poderia ser um bom momento!

Há um rio que flui com muita rapidez.
É tão grande e rápido que há aqueles que terão medo.
Eles se manterão na praia.
Eles sentirão que estão sendo dilacerados,
E eles sofrerão intensamente.

Saiba que o rio tem o seu destino.
Os anciãos dizem que devemos abandonar a margem,
Ir para o meio do rio,
Manter os nossos olhos abertos,
E as nossas cabeças acima da água.
Veja quem está lá com você
E celebre.

Neste momento não devemos levar nada pelo lado pessoal,
E principalmente, a nós mesmos
Pois no momento em que o fizermos
O nosso crescimento chegará a um impasse.

O tempo do lobo solitário terminou.
Reúnam-se!
Afastem a palavra luta de sua atitude e de seu vocabulário.

Tudo o que fizermos agora deverá ser feito de uma maneira sagrada e em celebração.

Nós somos aqueles pelos quais estivemos esperando.”

Os anciãos, Oraibi, nação Hopi, Arizona



Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

Um comentário: