..

"A alma que não se abate, que recebe indiferentemente tanto a tristeza como a alegria, vive na vida imortal."Fonte - Bhagavad-Gita

terça-feira, 5 de junho de 2012

Festival de Asala










Os Mestres recomendam que os discípulos considerem os dias dos três Grandes Festivais (Páscoa, Wesak e Asala) como dias Santos e Feriados, consagrando seus veículos à recepção das Gloriosas Energias que banham o Planeta nessas datas. Também nos sugerem que utilizemos os dois dias anteriores (preparação) e os dois posteriores (irradiação), para fazermos contatos, através de meditações especiais, com o Plano Superior.

A FESTA DO ESPIRITO SANTO

     Asala é o terceiro e último dos principais festivais que fundamentam a estrutura de uma nova Consciência que está sendo revelada pelo Cristo Cósmico.

     O Festival de Asala é conhecido como o Festival da Boa Vontade, pois representa o espírito da humanidade que anseia se harmonizar com a Vontade Divina, que é o aspecto do Amor que Jesus, o Cristo e Buda propagou e do qual é a expressão perfeita. É o dia em que a natureza Divina do homem é reconhecida e em que são realçados o Seu poder de expressar a Boa Vontade e de estabelecer corretas relações humanas.

     Até bem pouco tempo, os discípulos não tinham permissão de participar dessa festa e, então, por dois mil anos, fomos representados pelo Cristo. Mas uma vez que uma parcela da humanidade atingiu a Consciência Ascensionada e Livre e já disponibiliza corpos de Luz, os portais deste grande Cerimonial estão abertos à consciência grupal. Todos são especialmente convidados a representarem e celebrarem esse momento.

     Asala é uma festa de grande invocação e apelo e expressa uma aspiração básica relacionada com o companheirismo, a unidade material e espiritual, e representa o efeito do trabalho de Buda e do Cristo sobre a consciência humana.
     
Quanto mais a humanidade assimilar e cooperar decisivamente na manifestação da Vontade Divina, que é a Vontade para o bem, Vontade para a beleza e a harmonia, Vontade para a síntese e a unificação e, finalmente, Vontade de servir, mais essas energias construtivas e sintetizadoras deverão produzir a transformação da Teoria da Unidade em experiência prática - como perfeitas relações entre as nações, que expressarão a Luz, o Amor e conhecimento de Deus.





Luz e Amor
Lu

Nenhum comentário:

Postar um comentário