..

"A alma que não se abate, que recebe indiferentemente tanto a tristeza como a alegria, vive na vida imortal."Fonte - Bhagavad-Gita

sábado, 15 de fevereiro de 2014

ABENÇOAI A VOSSA DOR





MÃE MARIA
Através de Gabriel 
14.02.2014


Gabriel: Mãe, sinto a Sua Presença amorosa... Sinto também dor no coração...

Mãe Maria: Escreva, filho, escreva para todos...

Amados Filhos,

Que as bênçãos do amor tragam paz aos vossos corpos, mentes e corações.

Filhos amados, a Terra está passando pela sua transformação, elevando cada vez mais a sua forma de existência, trazendo com ela os seus novos filhos, diletos, renovados em corpo e alma.

As dores do parto são difíceis, entretanto há um clarão que se faz perceber bem adiante, onde a dor da transformação já nem pode ser sentida, graças à luz que invade os vossos olhos, repousando em vosso coração, manifestando ali a paz genuína e trazendo o conforto aconchegante, como ELE vos disse “Vinde a mim vós que estais cansados e sobrecarregados, pois eu vos aliviarei...”

Queridos, estais tendo todos os seus corpos completamente renovados e isso requer muita paciência e abnegação no processo que está a desenvolver-se.

Precipitai, muitas vezes, em argumentos e críticas as dores que enfrentais, negando a Bondade de Deus em vossas vidas, escondendo-se de olhar para vós próprios e reconhecer-vos como sendo seres abençoados, filhos do amado Pai Celeste, que vos dotou de toda força e Luz para que pudésseis passar por todas as provas possíveis que iria erguer a Terra da dor e agonia.

Sim, amados, decidis por vós próprios que queriam experimentar esse momento, admitindo em vós mesmos as provações que, quando suportadas, dar-vos-ia todo poder para erguer as massas humanas com a vossa Luz, provocando assim o elemento surpresa que os irmãos sombrios não esperavam: o sacrifício com amor.

Meus filhos, meus diletos, compreendei que a dor que senti nalgum momento é o vosso ponto de partida para os reinos mais elevados da consciência, ela foi a vossa companheira constante e esteve a mostrar sempre a porta para luz. Abençoai-a a todo momento e compreendei que ela é a vossa irmã que está a deixar-vos nestes tempos.

Está a deixar-vos para reintegrar-se à Fonte Magnânima do Amor; fiel ao seu propósito de disciplinar as almas que desejaram tê-la como companheira constante, agora reintegra-se novamente à Luz, graças à vossa elevação de consciência, pois ela também é uma consciência e a vossa elevação deu a ela a oportunidade de elevação contígua.

Amados filhos, permanecei centrados no Meu Amor por vós e na promessa que fiz à humanidade. Nunca vos deixarei, nunca Me afastarei de vós até que todas as almas deste Reino tenham alcançado a Luz. Chamai, pois, os vossos guias e mentores a auxiliar-vos, nestes tempos onde as tormentas interiores se fazem sentir.

Há necessidade de recolher-vos em vós próprios, aprofundando-vos nos vossos sentimentos, entendendo que a dor e confusão que sentis em vosso interior, neste período, é o descortinar para uma nova forma de existência.

A necessidade das velhas bagagens ficaram para trás, assim como o pessimismo nos dias futuros. Acreditai, pois, que as promessas do Criador já estão a se manifestar e, assim como sentem o balanço do mar os navegantes, estais a sentir o balanço das novas energias que estão a inclinar-vos levando-vos para novas paragens.

É reconfortante para vós saberdes que estais sendo assistidos por um Esquadrão de Luz que está a rodear a Terra como um grande exército de amor. Eles, os Homens do Espaço estão aqui, para dar as mãos a todos vós nesse tempo que se aproxima rapidamente. Muitas gerações esperam por esse momento, muitos de vós foram testemunhas de eras passadas e aguardam hoje o cumprimento das promessas.

Fortes corações como sois, inclinastes para o Bem e estais a levar consigo mais almas, mostrando para elas, através da vossa inclinação, o caminho a ser seguido. Essa autoridade moral só é dada às almas determinadas como vós, que vistes com os próprios olhos a elevação de vários Reinos, muito antes de estarem presentes na Terra.

Portanto, queridos, percebei que as vossas inclinações hoje tem mais poder do que ontem. Percebei que as decisões que tomais hoje podem influenciar muitas outras almas que estejam no vosso campo de vibração. A vossa responsabilidade é muito grande, pois sois os responsáveis pela Nova Era.

Saibam que estão sendo apoiados e, independentemente, de que lado desejardes levar as vossas energias, eu, como vossa Mãe, estarei a obedecer a minha promessa de ver somente a Perfeição em cada um de vós, sempre.

Meus filhos, permiti que eu vos abençoe, derramando sobre cada um de vós, agora, as minhas bênçãos, envolvendo cada um, neste instante, com uma energia de paz e amor, dando-vos a certeza que o momento é chegado, onde essa geração presenciará a mudança dos reinos.

Bem amados, Eu vos deixo agora derramando sobre todos vós as minhas bênçãos e envolvendo a todos no Meu manto de proteção, porque Eu Sou Maria, Vossa Mãe. 

Gabriel: Obrigado, querida Mãe...

Por favor, respeite todos os créditos
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/02/mae-maria-abencoai-vossa-dor.html
Fonte: Sementes das Estrelas
Grata Gabriel!

Nenhum comentário:

Postar um comentário